Sim, tem gays bonitos …

Muitos gays que frequentam esse site reclamam por eu gostar apenas de rapazes heterossexuais, eles acham que isso é voluntário em mim: eu acordo decidindo por quem eu vou me atrair , acham.
Alguns até já lançaram a teoria que eu seria um homossexual homofóbico, no sentido de querer odiar gays por esporte mesmo. Bem, eu até hoje não senti atração por gay da mesma forma que muitos gays não sentiram por mulher, nem por isso se diz que gays são misóginos.

Para esse pessoal que me acha implicante com gays propositalmente eu apresento Tobias e Frank, um jovens alemães que são gays assumidos e que levam uma vida relativamente normal, tudo bem que eles não moram num país infernal como é o Brasil, mesmo assim isso não vem ao caso.

Eu acho Tobias até botinho, me lembra um pouco o Putin, provavelmente por ele fazer a linha Mario Gotze hetero casual e ser loiro, tenho tara por caras loiros desde pequeno na escola, mas o que eu sinto por Tobias não é uma atração daquelas que levam uma pessoa trair o seu cônjuge para praticar uma aventura num motel às escondidas, o que sinto por Tobias é o mesmo que a gente sente por um irmão ou por um animalzinho fofo como um urso: dá vontade de beliscá-lo e perturbá-lo um pouco(trolagem) mas eu não me imagino sendo uma puta dando pra ele até as seis da manhã aos gemidos igual eu me imagino com outros caras. Ele é engraçadinho e se se vestisse de policial ou jogador de futebol no meio dos machos, confesso que talvez até me despertasse um tesão remoto, mas não tanto pelo o que ele realmente é mas sim pelo personagem que ele faria. Eu vejo muito isso nos casais gays, muitos gays se casam com um personagem e depois acordam vendo que se casaram um irmão. Claro, um gay pode se forçar a se masculinizado e interagir no meio dos outros machos para ser aceito de tal forma que até alguns trejeitos masculinos ele acabe pegando por osmose, mas é um personagem, é uma casca, dentro de si ele tem uma diva, uma moça precisando de amor e sexo, não é um homem. E cá entre nós, a minha energia dentro de mim já é muito feminina para conseguir viver em harmonia com outra energia feminina.

Tobias é bonito e se fosse hetero faria estragos, mas eu o vejo como um “amigo” que dá vontade de beliscar e trollar o tempo todo.

Por falar em tara por loiros, eu queria revelar uma coisa baixa da imaginação, aproveitando que no reino dos fetiches ninguém é santo para pode criticar ninguém, eu não eu vou falar um dos meus fetiches que inclusive eu tentei que fizessem comigo(com meu fake de vadia usando minha cara maquiada) no Tinder mas os caras ficaram com vergonha: Quando eu vejo um cara loiro de olhos azuis que seja bonito e que me atraia de verdade, eu imagino ele me tratando com racismo enquanto eu dou a perereca pra ele, nossa, esse maucaratismo me excita muito! Ah, por favor, tem fetiche muito mais pesado do que esse , que o diga os admiradores do The Two Girls One Cup…

Nossa! Tinha um rapaz lindo no Tinder , parecia um nazista: corte de cabelo militar, loiro, olhos azuis e o pior: ele se dava bem com o meu fake, mas esse fetiche ele não queria realizar, o entendi, afinal de contas isso dá cadeia a quem pratica, deixa pra lá!