Pra que vivemos?

As vezes eu fico me perguntando o que é a vida, por que todos o santo dia eu acordo pensando em namorar com alguém ou fazer sexo como se isso fosse a coisa mais importante da vida pra mim?
Talvez seja porque eu nunca tivesse a oportunidade de ter me relacionado com alguém, não sei, mas o fato é que a vida é algo muito estranho e quando não transamos, não temos namorado, somos virgem e nem mais amizades temos, ficamos com tempo vago em nossa mente para se perguntar:
O que é a vida?
Pra que serve a vida?
Por que algumas coisas se dão bem na vida e outras não?
Por que algumas pessoas nascem igual o Leonel Messi enquanto outras nascem fodida como eu ou como um drogado qualquer?
Por que outros seres como os vegetais e alguns animais são sacrificados todos os dias para que fiquemos satisfeitos com um alimento saboroso?
Aquela cebola que eu gosto frita, infelizmente ela também é viva e eu a mato para comer…
Estudos por aí que você pode pesquisar afirmam que os vegetais também tentam defender para afastar a dor mas da maneira deles: exalando odores para chamar insetos que os defenda ou modificando posição e o seu comportamento químico, saber disso me faz sentir mal, mal em viver em um planeta ou dimensão onde o mal do outro é o meu alimento de certa forma.
Ninguém quer sofrer mas alguns sofrem.
Por que eu um dia foi um espermatozoide assim como qualquer verme, bactéria ou outro micro-organismo indesejado e hoje eu sou um ser humano? Pra que?
Por que queremos uma coisa e não temos? Por que algumas pessoas querem a mesma coisa que queremos e acaba conseguindo?
Por que eu gostei de um cara tão lindo e rico? Por acaso seria uma forma de me fazer ser igual a ele e aprender a deixar para trás uma vida tão fodida? Seria para me puxar para cima? Mas a pessoa não gosta de mim, saber disso me puxa para baixo…
Eu queria muito saber o porquê das coisas para poder manipular o meu meio ambiente ao meu favor. Eu por exemplo, atraio pessoas que me dão repulsa, inclusive parentes que se felicitam por saber que eu vivo numa miséria sexual, afetiva e intelectual, eu moro com inimigos que se travestem de coitados com um sorrisinho na cara.

Eu gostaria de saber uma maneira avançada de romper com toda essa realidade, entender as coisas e fazer minha vida ser saudável, feliz e bonita.

Viver uma vida feia é muito triste, é dar murro em ponta de faca, é despertar a pior dor, a dor que querer algo que a gente sabe que não tem como ter. É por isso que eu não julgo mais o desonesto, o corrupto, ele pelo menos lutou à sua maneira, com as facilidades que a vida lhe deu, para conseguir ter uma vida melhor, e pra falar a verdade, eu nem sei se tanta honestidade assim é saudável, ainda mais quando se nasce em condições hostis. Vejam, eu não posso namorar ou fazer sexo com quem realmente me excita, mas quando eu me passo por mulher na internet, consigo parcialmente o que quero e me sinto temporariamente bem. É honesto isso? É legal? Não, não é. Mas a honestidade nesse caso me dá o que? Vontade de me matar o dia todo, depressão e falta de vontade de trabalhar, eu sei que eu nasci privilegiado por não ter nascido como uma mosca, uma cebola ou uma árvore que aguenta o sol quente sofrendo sem muito poder fazer, porem o corpo seu não quer se contentar mirando quem está pior que ele, o nosso corpo sempre busca algo melhor.
Aí de repente um dia eu morro e mostro o que eu realmente pareço ser: um pedaço de carne cheio de química louca em looping , manipulada por eletricidade! Aí eu me pergunto, se tudo vai ter esse fim, pra que ter ética, moral e querer ter as coisas? Pra viver um pouquinho mais? Que absurdo! No máximo vivemos 125 anos, eu por ter uma vida feia, sinto que já vive uns 200, parece um castigo, mesmo assim, o que é 125 anos ou 200 comparando-se com os anos que o planeta, o sistema solar e o universo irão estar aqui sem nós? Não é absolutamente nada. Nesse caso, por ser tão inferior o tempo, 1 ano é igual a 200 pela sua irrelevância, então pra que querer as coisas? Pra que ser certinho? Pra que comer? Pra que respeito? Pra que tantas coisas se virtualmente já não existimos mesmo? Eu não sei.

2 thoughts on “Pra que vivemos?”

  1. Amigo, nosso problema realmente não tem solução. Mas venho acompanhando seu blog um bom tempo e vejo que você não tem uma boa relação com sua família, com sua mãe principalmente… Então pq mora com eles ainda? Você tem um trabalho, tem como se sustentar, então pq conviver com pessoas que não gosta?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *