General Osório, a rua dos héteros…

A rua General Osório é rua dos homens heterossexuais.
Na rua General Osório esquina com a Guainazes existe a maior concentração de heterossexuais por metro quadrado em São Paulo. Sabe aqueles héteros que te olham com um olhar de estranheza e implicância?

Pois bem, eles estão ali, aqueles homens falso-sujos, eu sempre quis transar com um motoboy falso-sujo (homem que aparenta ser sujo mas que na verdade não é).

Você gay que quer conhecer de longe homens heterossexuais e não aquelas florzinhas que se dizem “ativas” mas que no fundo são mulheres em corpos de homem, pode ir na General Osório fingir que vai comprar uma peça de moto para você.

Mas se prepare, a maioria é gente do mal, gente que te mata fácil, fácil. Tome cuidado para não ser roubado e não encare muito as beldades, eles se irritam fácil.

E como saber quais são os casados? Os casados são os homens grávidos: aqueles homens de boné, chinelo, barba, tipo urso, com uma barriga de nove meses…

Curiosamente, esse local fica a poucos metros do lugar que já foi considerado o point gay de São Paulo, a rua Vieira de Carvalho

1 thought on “General Osório, a rua dos héteros…”

  1. Muitos aí nesse meio, são gays, ou bissexuais; não se iluda. Nos centros das cidades grandes tem muitos desses tipos, que aparentam ser héteros, mas estão à espreita, à procura de outros machos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *