Casal hetero pede ajuda espiritual! Pra que? Oi?

Eu insatisfeito com a minha vidinha por ninguém gostar de mim, fico tentando me distrair com O OCULTO, tipo uma masturbação cult, nessas distrações voltei a ver o canal do tio Spooky, o sensitivo das celebridades do Youtube. Vi no canal dele um casalzinho onde o macho era um rapaz conhecido no mundo streamer como Gaules e a mocinha parecia da Carol Capel mas de cabelos pretos.

O casal falava que tinha depressão, a moça tinha dores de cabeça, não dormia e os remédios psiquiátricos que ela tomava estavam fazendo síndrome do pânico. Já o rapaz tinha alguns problemas mas o uso de medicação estava contornando o seu mal estar de forma satisfatória.
Tanto o macho como a fêmea da relação fazem stream num site escrotinho de transmitir lives das pessoas enquanto elas jogam vídeo game, chamado Twitch , o canal do tal jovem com depressão que tem a namoradinha suicida tem nada mais, nada menos que DOIS MILHÕES de seguidores.
Eles chamaram o budista popular entre as celebridades teen, o tio Spooky, para fazer a limpeza espiritual do apartamento humilde deles, dizendo eles também que o AP era alugado e que logo sairiam dali pois o novo AP deles comprado já estava pronto , era um AP em Alphaville que faltava a ultima prestação para pegar as chaves…

Para quem não conhece São Paulo, Alphaville é um conjunto de condomínios dividido por números, tem o Alphaville 0, Alphaville 1, Alphaville 2 e assim sucessivamente, é perto de Osasco. Nesse lugar só mora gente com bala na água, tipo Chitãozinho e Xororó, Marcelo Rezende entre outras celebridades. A pessoa quando quer esnobar em São Paulo ela sempre escolhe duas opções: ou fala que mora no Morumbi ou fala que mora no Alphaville 0…

O tio Spooky mostrou o AP do “pobre” casal heterossexual com “problemas” espirituais e psicológicos, tinha mais quartos do que eu tinha casos de fracassos amorosos na minha vida. Tinha até dois quartos dedicados a fazer live, uma vista da janela relativamente boa e mais um monte de coisa, bom, aquele apartamento ali comprado não sairia por menos de UM MILHÃO…
Se alugado, fora o condomínio, não sairia menos de 5 mil reais, com condomínio e rateios, não saria por menos de 6 mil… Pobre casal coitado! Até eu se fosse espírito iria lá dar uma surra neles!

Ao ver o roteiro do vídeo e toda a história eu me senti um merda, um lixo, um energúmeno, explico: os dois componentes do casal lá tem seus dois milhões de seguidores, eu que sou um gay heterófilo tenho um canal no youtube com mais de 10 anos eu acho, ele não passa de 1000 seguidores, quando posto algo, 19 pessoas só que acessam !

A menina lá quando tem medo da espiritualidade oculta no AP deles, para não ficar com mais problemas mentais, ela dorme agarradinha ao macho Gaules. A menina não é nada feia, mora onde mora, é hetero, faz um razoável sucesso e pensa em se matar… Meu pai, quem tem vontade de matá-la agora sou eu!
Eu não tenho , não tive e nunca terei ninguém para me dar ao luxo de dividir uma cama amorosamente, já estou passando quase dos 50 e sou virgem. A minha casa toda cabe no “quartinho” de live do rapaz, o meu banheiro como bom banheiro de pobre é emendado com a ‘casa’ toda, quando se usa, tem que fechar a porta para o cheiro não se misturar com o o que é feito naquilo que eu denomino de cozinha… Quando casal ao meu lado transa, eu tenho que ficar escutando o homem gritar bem ao lado de onde eu durmo. Sem falar que em lugar de pobre, brigar por silêncio é batalha perdida, as vezes moram uns casais heteros em cima de mim que as crianças ficam, se eu não reclamar, pulando violentamente e de forma constante das 10 da manhã até as 2 , não da tarde, da manhã mesmo. Moradia de pobre no Brasil é zona , barulho, mal cheiro e som alto 30 horas por dia…

Gente! Como um casal hetero, que nasceu privilegiado por poder desfrutar plenamente da sua sexualidade e do seu afeto pode dizer que têm problemas psicológicos e espirituais???????????????
Como um casal hétero que mora num prédio como aqueles lá do
Parque das Perdizes, lá perto do Palmeiras, pode querer se matar ou ter algum problema psicológico se eu moro num muquifo fedendo a lixo, barulhento, não faço sucesso nem em blog, quanto mais em youtube? Quando eu tenho algum pesadelo ou coisa que pareça espiritual, eu acordo gritando sozinho ou chamando a mamãe , afinal eu não tenho ninguém pra agarrar não, as pessoas que eu gosto sempre tiveram verdadeira ojeriza de ficarem perto de mim. Se essa menina novinha, hetero e morando num palácio quer se matar, eu faço o que? Disparo uma ogiva nuclear na minha cabeça???? Putz!

O cara que eu gosto, também pegou uma mulher e colocou pra morar na casa dele com tudo pago, num país delicioso e várias facilidades. Pois é, a vida é assim não é? Uns são melhores que os outros e mesmo assim reclamam.

Gente, aquele rapaz, oque ele faz para morar num AP daquele e ainda comprar outro em Alphaville? Ele pelo visto defeca dinheiro em forma de euros e dolar. Gente, eu não sei nem por onde começar para ganhar mais que o salário mínimo. Gastar 6 mil de condomínio pra mim, todos os meses, é algo quase tão inviável como eu ter um cara heterossexual. Se aquela moça tem síndrome do pânico eu tenho a síndrome do terror multiplicada por 1000 elevado ao cubo somada à homofobia dos machos elevada à 7…
Aquele rapaz com canal de 2.200.000 seguidores tem depressão??????? Mesmo morando num palácio ganhando dinheiro além e sendo hetero?
Se ele tem depressão eu tenho o que? Ébola? Coronavirus? HIV?

Gente, esses heterossexuais tudo nas mãos e ainda fazem drama! Isso só pode ser deboche da vida comigo! Esse casal deve estar de sacanagem!
Deve ser humor negro, só pode!

Gente, eu me senti a pessoa mais merda do mundo vendo a casa deles.

Uma vez eu mandei um e-mail ao tio Spooky para ele sondar a possibilidade dele me ajudar nessa lástima que é nascer viado e gostar desses rapazinhos glamurosos heterossexuais que cagam e andam pra gente, ele até me deu a dica procurar morar separado da minha mãe, mas quando pensei em recebe-lo na minha casa, fiquei com vergonha! O cara só vai em palácio de youtuber famoso, eu nunca teria coragem de chamá-lo na minha casa, eu me sentiria mal comigo mesmo, a minha vida toda eu só morei em malocões, lugares com problema de ordem de despejo, muita sujeira e barulho, por isso eu deixei pra lá. Puxa! Cada dia mais eu vejo que sou um merda de urubu. Um bosta projetado sobre medida para feder e não ir muito longe!